Casa do Descontinuado


O caminho é fácil: basta virar na segunda estrela à direita e seguir sempre em frente até ao amanhecer. (J. M. Barrie)
.
Todo ser tem um teto. No meu caso, ele é feito de placas muito finas de cristal...
É como uma pequena folha desgarrada no outono, que do nada sae livre em busca dos seus sonhos...
É aquele que ama tanto, à ponto de não saber se tem asas ou se não tenho chão para caminhar...
São lugares sem cor, são sons sem palavras... é tudo no nada... são ilusões de um sonhador e é esperança...
O meu lugar... o meu solitário canto de sala escuro e frio...
Onde você, nobre desconhecido, teve a infeliz sorte de visitar.Se esperas por uma xícara de chá, por favor, não se decepcione se eu não levantar para esquentar a água, pois os meus pés podem estar doentes... ou mortos...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gentileza

Reflexos

Sobre o cotidiano