Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2005

Feliz Aniversário!

Ah, se eu pudesse hoje estaria bem longe daqui, não por capricho de me dar algo, de me proporcionar algum descanso... Queria estar longe daqui, mais exatamente a quase 1000 Km daqui, para poder abraçar e beijar uma pessoa que admiro muito, e poder dizer essas palavras pessoalmente. Porém, infelizmente, ou felizmente, por que não se assim era pra ser? Estou longe e tenho que me contentar em apenas escrever.
Irmãos são bichos estranhos... me lembro de alguns anos trás, quando eu e minhas dúvidas sobre a vida (confesso pouquíssimas já foram resolvidas) era um garoto com uma irmã mais nova – tadinha a caçula e única menina! – que começou a namorar escondido... desde então percebi que aquela garotinha não era mais apenas uma garotinha, era alguém que escorregava da primavera da infância para começar o longo processo de se tornar uma mulher.
Era mágico para mim ver aquilo tudo acontecer, ver o amor nos olhos dela, ver que o mundo nos olhos dela era algo mais bem resolvido, mais simples... mai…

Três pessoas, três corações que me querem longe.

Não... definitivamente não quero e não vou de maneira alguma aceitar que a separação seja o melhor caminho. É algo incabivél sofrer por opção, sofrer por medo de um futuro que não nos pertence, o pior de tudo: sofrer por algo que pensamos que por uma atitude de isolamento vai resolver nosso problema.
.
Não entendo o pq pesssoas que conheci a pouco tempo e que eu gosto muito estão se afastando de mim. Elas até explicam, me dizem que assim vai ser melhor pra mim, vai ser para o meu bem, assim eu vou ser feliz.... Mas isso não é verdade, isso doi em mim, dói em mim ver essas pessoas que eu considero muito partir da minha vida como se eu fosse um objeto que se descarta depois do uso, isso dói em mim, doi muito!
.
Não posso aceitar isso de você, e vou te mostrar que se eu não posso te dar o que vc quer de mim, posso te dar muitas outras coisas, e vc tbm, vc pode me oferecer muitas coisas.
.
Esse ano... meu Deus, e ainda estamos no quarto mês e eu já fazendo balanços.... mas voltando, nesse ano e…

Minha tempestade de sexta à noite

Quando percebi já não dava mais pra fingir pra mim mesmo, estava apaixonadofoi algo simples, que chegou de repente como o vento, como um brisa de fim de tarde que faz com que lembremos que temos pele,que temos corpo e que algo nos toca com delicadesa.
.
Quando percebi haviam lágrimas no meu rosto, e o coração já não tinha o mesmo ritmo,já não era mais o mesmo e nunca mais seria como antes.Ele começou a bater de uma maneira diferente, e quanto te vejo ele acelera ainda mais,como se aquele fosse o seu lugar, bem ali, perto do seu peito, entre seu abraço apertado.A partir dai, percebi que meu coração era condusido pelo ritmo de fora de mim, pelo ritmo do amor.
.
Quando percebi queria mais do que tudo nessa vida estar ao seu lado.Queria estar contigo naquelas momentos onde isso era impossível, pois a distância não deixava.Assim vi que o queria também era ser alguém melhor, alguém mais bonito por dentro
para então de deixar feliz.
.
Quando percebi que o que sentia agora era algo além, algo que at…