Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2008

Sorry, I'm so sorry.

Teremos sempre essa vida... conquistas, nem tantas. Perdas... estas serão muitas, o tempo todo. É uma violência silenciosa, que arrasta nossos minutos e nos auto-mutilamos ao lembrar do amigo que já não mais está perto. Ao lembrar daqueles que se foram para sempre e daqueles que ainda por ai estão, mas se foram também para sempre.
Me dói lembrar de ti e não ter coragem de dizer que foste um amigo especial. E neste momento que talvez pudesse eu te dar um abraço ou uma palavra de conforto, mesmo que ela fosse ilusória, não tive coragem nem de se quer permitir-me pensar na dor que está a sentir. Você que agora quase um homem é, teve que aprender com uma dor imensurável como é a face da despedida... não parece restar esperança e o que nos sobra não nada além do que um imenso vazio... Nossas lembranças nos reconfortam ao fazer com que lembremos do que se foi passado, mesmo os momentos chatos.
Mesmo nas trucadas circunstancias onde o gesto fora muito mais pulsante, a sensação deve ser, neste…

Coisas para os descontinuados

Visto-me com o amarelo de sua camiseta surrada, para lembrar-te da esperança e de que cada dia se faz único, singelo, especial, se assim você o querer.
Penso nos momentos bons, nos momentos imaginados... penso nos nossos sonhos, na vontade de viver ao teu lado.

Sorria!

As horas são como as gotas de orvalho, cada uma única, pequena, perdida, mas com um brilho inesquecível ao ser tocada pelo sol. Ela é imperfeita, e sabe que o seu tempo é curto demais como existência para se perder com suas próprias perdições, ao contrário, ela aproveita o raiar do dia e traz para o plácido verde um brilho milagroso, tamanha beleza frente a sua minúscula e passageira existência.

Veja as cores!

Olhe! Você pode ver as coisas de modo simples. Talvez o hoje seja apenas uma ponte estreita que devemos passar, e, caso o momento não seja bem do modo que você queria que fosse, aproveite o que o agora tem a lhe oferecer de melhor. Você é esperto, inteligente, sagaz! Isso não é um problema para ti!

Somos jovens!

E que v…