Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2017

Um dia azulado

Imagem
Inquieto amigo, eu te conheço há algum tempo. Sei qual são os sons que você é capaz de fazer mesmo no silêncio de mil pessoas. Hoje você voltou e decidiu ocupar toda a minha cama. Mas só tem espaço para uma pessoa.

Sei que te decepcionei. Não sou mais o mesmo, apesar de ter essa insistente capacidade de engordar para os lados que me perdem. Eu sei que me esvaziei em alguma escolha. Eu sei que te deixei no momento em que mais eu te amava. Querido amigo, por favor, me desculpe.

Não importa o quanto ando. As ruas continuam frias e os olhos pálidos me escondem. Outro dia tentei ser invisível e acho que consegui. As pessoas não me veem ou talvez eu só tenho essa necessidade insuportável de ser notado por ser bom em não fazer nada.

As pessoas me cobram as melhores frases e as melhores festas e eu só quero ficar quieto. Obrigado por vir me ver querido amigo. Mas a tua presença me destrói. Sua face é a minha face, só que mil vezes melhor. Sou a tua versão esvaziada de sentido.

Onde está o meu…

Gentileza

Imagem
Caso eu pudesse registrar um conselho para mim mesmo, este seria: seja gentil. A gentileza é um dos mais poderosos mecanismos humanos, ela tem o poder de transformar os fatos que estariam fadados ao insucesso, caso um outro temperamento o guiasse. Com certeza devem haver vários estudos que comprove isso!
Seja gentil consigo mesmo. Seja gentil com suas falhas e exageros. Aos trinta e poucos anos você já tem a noção que o mundo não será como queria que ele fosse, mas ele também não precisa ser um desastre total. Você tem alguma noção do que é e vislumbra as fronteiras daquilo que pode ser.
Ter para si que nenhuma convicção é infalível também é gentileza. Mesmo necessitando desses nortes para se guiar em meio ao caos de ser quem é e imagino continuar sendo até o teu último instante. Seja gentil quando o teu mundo se rebelar contra você e decidir sentir o gosto de sal de outros mares.
A gentileza é, por natureza, o contrário da culpa. A sina da suprema felicidade nos pressiona a vestir r…